31/10/2014

Blue Fighter



Em novembro de 1997 surgiu nas bancas de todo Brasil um super-herói Brasileiro. Seu nome era Blue Fighter, um poderoso guerreiro criado para ser um assassino, mas que se renegou e utilizou seus poderes para fazer o bem. Com bastante influência de Kamen Rider, Blue Fighter foi uma HQ nacional lançada em 3 edições.

No melhor estilo Tokusatsu japonês. Blue Fighter é na verdade Domon, um lutador de artes marciais do planeta Guifan, uma das colônias da Terra. Kronan é o Demoníaco líder da Corporação Atlas, ele criou o que pensava ser um Super-Soldado assassino totalmente condicionado e obediente. Mas o projeto tinha uma falha e seu guerreiro se rebelou, tornando-se seu inimigo mortal, Blue Fighter, e chegou a hora do acerto de contas entre criador e criatura. Chegou a hora da tempestade.




30/10/2014

A Garra Cinzenta

A Garra Cinzenta é uma história em quadrinhos brasileira, que foi publicada originalmente no formato de tira no suplemento "A Gazetinha" do jornal A Gazeta entre 1937 e 1939 e que conseguiu reconhecimento mundial na época, sendo publicada no México, França e Bélgica. Na França e na Bélgica, a série era conhecida como La Grife Grise, os franceses achavam a história fosse de origem mexicana e não brasileira . Em 2011 a história foi republicada pela Editora Conrad em uma edição encadernada de luxo.

Na história passada em Nova York, Garra Cinzenta é um vilão, que apesar de não possuir nenhum poder, tem um grande conhecimento de vários ciências, como química, e o usa para fazer experiencias em seus inimigos e também para matá-los. Não se sabe com certeza sua origem, sabendo-se apenas que foi um grande cientista no passado, mas como ele virou um vilão ou se a caveira de sua cara é uma mascara ou um acidente que deixou sua caveira exposta não é revelado. Seus principais inimigos eram os inspetores de polícia Higgins e Miller, que apesar de tentarem de tudo, nunca conseguiam pegá-lo. Seus capangas eram um gorila com um cérebro transplantado de um antigo amigo, o professor Cuberry; sua antiga secretária Katty, que sofreu lavagem cerebral e virou a Dama de Negro; e um robô construído pelo próprio Garra, chamado Flag, que apesar de ter enorme força, podia falar apenas por barulhos.

29/10/2014

A Boa Sorte de Solano Dominguez

"A Boa Sorte de Solano Domingues" – álbum de quadrinhos escrito por Wander Antunes e desenhado por Mozart Couto é recheado de elementos como exploração sexual, desejos reprimidos, sordidez, incesto e falsas aparências. 

A qualidade dos desenhos ajuda a levar para ainda mais longe o imaginário do leitor. Como bem define Ruy Castro na apresentação que assina na contracapa: "É Nelson Rodrigues temperado com Buñuel e multiplicado por Carlos Zéfiro". Tudo isso
tendo como pano de fundo a efervescente Havana, ainda sob o jugo de Fulgêncio Batista.